quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Há manhã amanhã?

Hoje, na porta do cabeleireiro da minha zona, encontrava-se o seguinte aviso:

 
Por motivos pessoais só abrimos há manhã.
 
 
E é isto: mais uma doce machadada na língua portuguesa. E depois perguntam-me para que é preciso aprender a escrever uma língua que todos sabemos falar...
 
Notinha: Juro: os miúdos perguntam-me mesmo isto. Não sabem para que lhes ensino sintaxe se daqui a uns anos reconhecer o sujeito, o predicado ou outras funções sintácticas, nunca lhes será pedido para nada e se com o Português que falam toda a gente os entende.

2 comentários:

  1. Eu tenho descoberto esse erro em mim, escrevo como falo e não tomo atenção, engano-me muito no "À" no Há(sei quando usar, mas ando distraída), e "á" [este nunca sei quando se usa] e depois dá asneira. E ultimamente reparo que troco os B pelos V mas isso já sei que é da pronúncia. Bem, por vezes devia ir para a primária, devia ler mais é o que é. :D

    foi só um desabafo, até me esforço, mas dou muitos pontapés na gramática portuguesa.

    ResponderEliminar