sexta-feira, 19 de outubro de 2012

A 19 de Outubro de 2000

Existe uma rapariga que em tempos foi uma amiga e que participou num momento que mudou toda a minha vida. E quando? A 19 de Outubro de 2000. Não a via há anos e por vezes lembrava-me dela, pensando que talvez tudo tivesse sido diferente se nunca nos houvéssemos conhecido. É impossível saber, mas quando até respirar dói são estas idiotices que nos correm à memória.
 
Hoje, dia 19 de Outubro de 2012, doze longos anos volvidos, voltei a cruzar-me com esta rapariga. Ela não me viu, mas eu tive tempo para olhar para ela e recordar um pedaço de uma folha de papel que lhe pus na mão neste mesmo dia do ano 2000. Nele estava o meu número de telemóvel para entregar a alguém que o tinha pedido. A alguém que ela me havia apresentado dois dias antes.
 
Se ela nunca tivesse existido, se eu nunca tivesse escrito aquele número no papel, teria sido tudo diferente? Sei lá... O que sei é que, apesar de tudo, não mudaria uma vírgula à história. Por maior que tenha sido a dor, foi isso que me fez e acredito que só tenho o que tenho hoje porque um dia dei aquele número. Foi a 19 de Outubro do ano 2000 e esta tarde, ao ver essa antiga amiga, foi como se tivesse sido hoje. Depois ela seguiu viagem e a sensação do passado no presente foi com ela. Agora só aqui estou eu.
 

1 comentário:

  1. Pensas bem: fez de ti o que és hoje! Fecha essa página e segue em frente

    ResponderEliminar